Como fazer uma limpeza de fim de ano

Desfaça-se do que não usa mais 

O primeiro passo para a sua limpeza de fim de ano é deitar fora aquilo que já não usa. Calças que já não lhe servem há anos? Tire do armário. Brinquedos que os seus filhos já não querem? Doe aos primos mais novos. Formas para bolachas e bolos que nunca usou? Ofereça à prima que está sempre a publicar receitas no Instagram. O importante é desocupar o seu espaço e fazer uma limpeza geral.

Arranje o que estiver estragado 

Está a ver aquela porta que faz sempre imenso barulho ao abrir e fechar? O silicone que já está cheio de fungos? A torneira que é preciso trocar? Não deixe para o próximo ano o que ainda pode fazer neste. Seja qualquer for o arranjo de que precisa, pode procurar o preço de todos os serviços para a casa na Fixando e receber até 5 orçamentos grátis.

Lave as cortinas e os tapetes

É preciso lavar as cortinas e os tapetes pelo menos uma vez por ano! Procure uma empresa especializada na limpeza de tapetes e uma lavandaria para as suas cortinas. Ao longo do ano, estes têxteis acumulam pó, cheiros, pêlos de animais, ácaros e imensa sujidade. Mais uma vez, pode contar com a Fixando para encontrar o preço de todo o tipo de serviços domésticos

Lave toda a roupa até dia 31

Agora, um desafio: consegue lavar toda a sua roupa até dia 31? Aproveite a revisão geral ao armário e comece o ano com o guarda-roupa todo lavado e cheiroso! Já agora, não se esqueça de ter algo novo para estrear no primeiro dia do ano: como diz a minha mãe, nem que seja só um par de cuecas!

Como evitar curtos circuitos em casa?

Mass Image Compressor Compressed this image. https://sourceforge.net/projects/icompress/ with Quality:60

Todos tememos um curto circuito em casa. Mas estas coisas não acontecem “só aos outros”! Tome as rédeas da situação e leia estas dicas para evitar curtos circuitos em casa.

Em primeiro lugar, precisamos de perceber o que é realmente um curto circuito. Um curto circuito é uma sobrecarga na rede eléctrica. Além disso, são a principal causa de incêndios domésticos e danificam os electrodomésticos. 

  1. Verifique as tomadas

Uma instalação eléctrica deficiente facilmente entra em sobrecarga. Por isso, fique atento a zumbidos, ao cheiro a queimado vindo das tomadas e às faíscas quando liga alguma coisa à tomada. 

  1. Cuidado com as extensões

Se o problema é a sobrecarga, então também deve evitar a sobrecarga das extensões. Geralmente, as extensões têm uma carga máxima que nunca deve superar, mesmo que ainda tenha tomadas livres.

  1. Coloque o aquecedor numa tomada única

Os aquecedores consomem muita energia. Por isso, agora no Inverno, não ligue os aquecedores a triplas ou extensões. Tenha uma tomada apenas para o aquecedor.

  1. Verifique os seus electrodomésticos

Verifique a parte de trás do microondas, do frigorífico e até os aquecedores para se certificar que os cabos estão em bom estado, que não há fios expostos e o revestimento ainda está em boas condições. 

  1. Não ligue as luzes de Natal nem os electrodomésticos durante as trovoadas

Toda a gente sabe que não de utilizar a luz durante uma trovoada, mas nunca é demais relembrar. Por vezes, as trovoadas causam sobrecargas na rede que podem danificar os electrodomésticos e até causar um curto circuito. 

  1. Faça uma revisão à sua instalação

Tal como existe a revisão das instalações de gás a cada 5 anos, também podemos falar numa revisão à instalação de electricidade (embora estas não sejam obrigatórias). Contacte electricistas no Porto ou electricistas em Lisboa para verificar as suas tomadas e a instalação eléctrica regularmente.

  1. Evite ter materiais inflamáveis próximos das tomadas

Esta dica não previne um curto circuito, mas pode ajudar a evitar o pior. Evite ter cortinas, almofadas e tapetes junto das tomadas para diminuir o risco de incêndio. Além disso, informe-se quanto ao plano de contigência do seu prédio, pois é obrigatório ter extintores nos corredores.

Como reparar uma infiltração de água em casa? 

As infiltrações de água em casa não são só aborrecidas, também são difíceis de resolver. Infelizmente, há infiltrações que persistem durante anos e que parecem não ter solução. No entanto, se tem uma infiltração de água em casa, não desista já: é possível resolver uma infiltração de água. Siga os nossos conselhos!

  1. Descobrir a origem da água

O primeiro passo para reparar uma infiltração é descobrir a causa. Precisa de perceber se o problema está na sua canalização (por exemplo) ou se provém da casa de um vizinho. Este último caso pode ser mais difícil de resolver, mas use a diplomacia a seu favor e, no limite, contacte o gestor de condomínio para intermediar. 

  1. Contacte um profissional

Agora que já sabe a origem da água, precisa de encontrar uma empresa para reparar a infiltração. Já sabe que pode contar com a Fixando para receber até 5 orçamentos de profissionais diferentes na sua área de residência, além de poder consultar os preços de todos os serviços para a casa aqui (em média).

  1. Reparar a parede

Depois de resolver a origem do problema, precisa de (1) reparar a parede ou tecto onde ocorreu a infiltração e (2) garantir que não volta a acontecer. Limpe o bolor da parede original para que não se torne tóxico. Depois, volte a pintar, de preferência com uma tinta hidrófuga. No caso do problema ser nas paredes que estão em contacto com a fachada do prédio, também pode melhorar o isolamento da sua casa com paredes de pladur, por exemplo.

  1. Soluções temporárias

Se não tem disponibilidade para fazer obras neste momento, ou se ainda está em disputa com os seus vizinhos, pode optar por soluções temporárias. Por exemplo, se a origem for uma varanda ou um terraço, pode aplicar um spray impermeabilizante (temporário) e colocar uma cobertura igualmente temporária durante o Inverno.